Resina Mista Purolite Troca Iônica MB475

Resina Mista Purolite Troca Iônica MB475

Compre aqui Resina Mista Purolite Troca Iônica MB475 com Melhor Preço e Entrega Imediata. Parcele em até 6x ou obtenha desconto a vista.

De R$ 1.300,00
Por:
R$ 1.155,91
Economize  R$ 144,09

R$ 1.075,00 à vista com desconto Boleto - Yapay
ou 12x de R$ 119,33 com juros
Mais formas de pagamento
 

Calcular frete

Simulador de Frete
- Calcular frete
Não sei o meu CEP

Resina Mista Purolite Troca Iônica MB475

 

A Resina Mista Purolite Troca Iônica MB475 é substituta da antiga Purolite MB478LT. Composta de 50% resina catiônica e 50% resina aniônica, essa Resina Mista de Troca Iônica é desenvolvida especialmente para tratamento de água em indústrias e laboratórios, na desmineralização da água, fazendo a remoção de íons positivos e negativos. Purolite MB475 é uma resina mista de alta qualidade para purificação de água e adequada para uso em equipamentos regeneráveis de eletro-erosão. A taxa de passagem da água pelas resinas recomendada é normalmente baixa, isso para a melhor redução dos sólidos dissolvidos. A água produzida terá condutividade média por volta de 1,0 micro S/cm para a maior parte da campanha, que pode ser mais extensa dependendo da qualidade final da água requerida. Esta resina foi especialmente produzida para tratamento de água em aquários, farmacologia, cosmetologia e máquinas de eletro-erosão. Ideal para uso em deionizadores e osmose reversa, equipamentos regeneráveis ou em cartuchos não-regeneráveis.

A Purolite é a fabricante líder em resinas de troca iônica de qualidade, catalíticas, adsorventes e resinas especiais de alta performance, sendo é a única empresa 100% focada no desenvolvimento e produção de tecnologia de resina para tratamento de água.

O processo de troca iônica baseia-se no emprego de resinas sintéticas, onde as mesmas retêm os sais dissolvidos na água por meio de uma reação química, liberando íons equivalentes para água. A água bruta a ser desmineralizada deve previamente ser submetida a uma pré-filtração para remover os sólidos em suspensão (barro, areia e outros) e o cloro. A resina vai ficando pouco a pouco saturada com os sais retirados da água sendo tratada. Assim, é necessário que a água produzida seja monitorada frequentemente com o auxílio de um condutivímetro, para determinar quando deverá ser descartada e substituída por uma carga de resina nova. O nível máximo de condutividade que determinará quando a resina deve ser trocada dependerá do uso a que se destina a água purificada, sendo estabelecida pelo usuário para cada aplicação.

Apresenta-se em sacos de 25 litros.

 

CARACTERÍSTICAS FISICO-QUÍMICAS TÍPICAS:

Aparência: Esferas;

Teor de Umidade (max.): 65%;

Faixa de Tamanho de esferas: 300 - 1200 µm (Micra), < 300 µm (max.): 1%;

Coeficiente Uniformidade (max.): 1.7;

Peso de Embarque (aprox.): 720 - 750 g/L (45.0 - 46.9 lb/ft³);

Limite de Temperatura, Leito Não Regenerável: 100 °C (212.0 °F);

Limite de Temperatura, Leito Regenerável: 60 °C (140.0 °F);

Nome do Componente: Catiônica Fortemente ácida gel e Aniônica Fortemente básica gel, tipo I;

Estrutura Polimérica: Reticulado de poliestireno gel com divinilbenzeno e Reticulado de poliestireno gel com divinilbenzeno;;

Grupo Funcional: ácido sulfônico e Quarternário de Amônio tipo I;

Forma Iônica : forma H+ e OH forma

Relação Volumétrica de Cátion/Ânion: 50% e 50%

 

Frete Especial